Novela “Espelho da Vida”: A Guardiã (Suzana Faini) aparece como Albertina, mãe de Eugênio (Felipe Camargo), no século passado. Albertina visita Eugênio e reclama do comportamento da neta e dos comentários feitos pelo padre Luiz (Ângelo Antônio). A avó de Julia (Vitória Strada) também humilha a nora, Piedade (Julia Lemmertz). Cris (Vitória Strada) fica chocada e, dias depois, comenta com a Guardiã: “A senhora foi minha avó, vó Albertina. Fiquei tão emocionada. Queria vir antes, mas não consegui”. A Guardiã responde: “Eu lhe fiz muito mal, muito. Por isso estou aqui, para reparar os meu atos. Só vou conseguir deixar esta casa quando o mal que causei for revertido…Meu coração era muito duro, intolerante. Arrependimento mata, entendeu? É melhor ter cuidado com nossos atos. O tempo não volta e a gente colhe tudo que plantou”.

A mulher diz que foi uma alegria ver que Piedade renasceu como Ana (Julia Lemmertz): “Uma bela mulher, forte, e ela e Luiz [Flávio/Ângelo Antonio] se casaram… Meu filho Eugênio veio aqui outro dia. Uma lástima. Continua um fraco, um covarde… Você vai ter que voltar e descobrir tudo que falta para compor sua história. Pense no quanto você já avançou… Se eu pudesse lhe dizer… Nem ao menos tenho certeza, sou uma reles ‘leva e traz’. O que mais quero é que tudo se esclareça logo. Depois desta expiação longa e dolorosa, me foi prometido que nascerei de novo… E que serei muito amada”. Cena prevista para 05 de janeiro na Novela “Espelho da Vida”.

Novela “Espelho da Vida”: resumo dos próximos capítulos

Sinopse Espelho da Vida”: Cris Valência (Vitória Strada) é uma atriz de teatro, linda, estudiosa e filha de pais artistas. A jovem é idealista e segura de seus objetivos. Sensível, acredita em todos que se aproximam, valoriza o amor e vive um romance feliz ao lado de Alain (João Vicente de Castro). Incentivadora da carreira do namorado, ela apoia seus projetos e acredita que ele precisa investir na produção de um filme romântico. Em “Espelho da Vida”, Alain é um diretor de TV e cinema bem-sucedido no Rio de Janeiro, muito reconhecido por sua arte.