Novela “Topíssima”: Pedro (Felipe Cardoso) invade a suíte de Sophia (Camila Rodrigues), enfrenta Edevaldo (Eri Johnson) e foge. Carlos (Maurício Mattar) e Antonio (Felipe Cunha) chegam na recepção e encontram Pedro correndo de Edevaldo, que está ferido. Antonio segura a perna do traficante e pega a arma dele. Pedro se mistura aos turistas e entra no seu carro. Antonio se joga no capô do veículo, mas cai e Pedro foge. André (Sidney Sampaio) e Graça (Rayanne Morais) perseguem o bandido. Sophia leva Antonio para a suíte e cuida dos ferimentos.

Publicidade

Logo depois, Carlos diz para a filha fugir, já que a polícia está toda envolvida na perseguição a Pedro. Ela faz as malas. Sophia fica a sós com Antonio e diz: “Você também precisa ir, Antonio. Não quero que ninguém pense que você ou qualquer pessoa está tentando me ajudar”. Antonio faz um pedido: “Sei que está preocupada comigo, mas também me preocupo com você, por isso peço que me ouça pelo menos uma vez na vida, Sophia … Não foge, Sophia! Fica aqui, faz a coisa certa! Se te capturarem a sua pena vai ser agravada! … fugir é assinar atestado de culpa. Você não pode fazer isso! Aí mesmo é que a polícia vai parar de investigar outros possíveis assassinos e achar que você é mesmo a culpada … Você não matou a Lara! Não faria isso nem mesmo drogada. E não sou só eu, tem muita gente que acredita na sua inocência. Vamos lutar juntos, Sophia! … Não foge, por favor! A gente vai conseguir descobrir quem é o assassino da sua mãe. Você sempre foi uma mulher forte, confiante, sempre encarou tudo de frente”.

Sophia argumenta: “Mas dessa vez é diferente. Quem quer que tenha armado essa arapuca pra mim, fez tudo muito direitinho”. Antonio diz: “Só pode ter sido o Paulo Roberto, que está preso, o Pedro e o Taylor, que já está até morto. Não precisa fugir! Você vai conseguir provar a sua inocência! Vou estar do seu lado todos os dias. Acredita em você e acredita em mim também”. Antonio a beija. Andrea (Letícia Peroni) comemora e Carlos apressa a filha: “Desculpa quebrar o clima, mas a gente precisa agilizar. Não quero correr o risco de algum policial aparecer aqui”.

A Topíssima informa: “Não vou mais fugir, pai”. Antonio explica: “A gente conversou, Carlos. A Sophia entendeu que o melhor é ficar aqui e lutar pra provar a inocência dela”. Carlos briga com Antonio: “Por que você fez isso, Antonio? Por que fez a cabeça da minha filha?”. Antonio conclui: “Por que é a melhor coisa a fazer pelo bem dela”.

Novela “Topíssima”: Na Zona Sul do Rio de Janeiro mora Sophia (Camila Rodrigues), uma moça independente e feminista, que transformou a produtora de moda Topíssima em referência nacional. Ela é filha de Lara (Cristiana Oliveira), uma mulher fútil que vive em razão da vaidade e do dinheiro, e de Carlos (Maurício Mattar), um professor que na juventude trocou seu grande amor, a humilde Mariinha (Sílvia Pfeifer), pela chance de acensão social com a atual esposa.

A vida de Sophia vira de cabeça para baixo quando sua mãe propõe que ela assuma a presidência do Grupo Alencar de Educação, contrariando o desejo de seu tio, Paulo Roberto (Floriano Peixoto), que almejava o cargo. Ele é um homem inescrupuloso, que mantém a falsa imagem de empresário integro, mas trai a mulher Beatriz (Cássia Linhares) com a ambiciosa Yasmin (Juliana Didone) e é sócio na produção de drogas com Taylor (Emílio Orciollo Netto), um americano que mora no Brasil há mais de 20 anos e comanda o esquema ilegal no Vidigal. Lara, no entanto, coloca como condição que a filha se case dentro de ano – uma vez que não aguenta seu jeito de devoradora de homens – fazendo com que diversos alpinistas sociais a cerquem.

Publicidade