Publicidade

Novela “Salve-se Quem Puder”: Téo (Felipe Simas) está cada vez mais apaixonado por Luna/Fiona (Juliana Paiva) em Salve-se Quem Puder. O rapaz convida a fisioterapeuta para jantar com sua família, mas tem uma surpresa e tanto quando Helena (Flávia Alessandra) começa a atacar a menina.

A empresária não gosta da aproximação dos dois e solta inúmeras indiretas para a fisioterapeuta, que tenta manter a classe e responder tudo na maior educação. Ela relembra a viagem que os dois fizeram para o Rio de Janeiro e não entende por que o enteado conseguiu fazer uma surpresa tão marcante para Luna.

“Esse tipo de surpresa que você fez, a gente só faz pra uma pessoa muito importante… E a Fiona, com todo o respeito, é apenas a sua fisioterapeuta, não é?”, diz Helena, irônica. O clima pesa e Téo percebe a situação. Porém, ele confronta a madrasta e diz: “Aí é que você se engana, mãezinha. A Fiona é muito mais que isso. E se você quer saber exatamente o que ela representa pra mim, você vai descobrir agora…”

Hugo (Leopoldo Pachedo) pede para o filho não provocar a mãe e todos ficam tensos à mesa. Luna pergunta o que Téo vai fazer e ele responde: “Fiona, lá no Rio eu não tive chance de te perguntar. Mas vou aproveitar que a minha família tá toda aqui e fazer isso agora. Você quer namorar comigo?”

Helena acusa Luna/Fiona de causar a discórdia em sua família e Luna enfrenta a empresária.

“Salve-se Quem Puder”: resumo dos próximos capítulos da novela

Publicidade

“Salve-se Quem Puder”: Três mulheres com novas identidades e uma única certeza: suas vidas estão entrelaçadas para sempre. Salve-se Quem Puder conta a história de Alexia (Deborah Secco), Luna (Juliana Paiva) e Kyra (Vitória Strada), que ingressam no Programa de Proteção à Testemunha e mudam de vida após presenciarem um crime. Para sobreviver, elas mudam o nome, a aparência, o estilo de vida e vão morar na fictícia Judas do Norte, no interior de São Paulo, depois que são dadas como mortas.

Alexia vira Josimara, Luna assume o nome de Fiona e Kyra é Cleyde, novas pessoas com um padrão de vida bem diferente. Elas serão acolhidas por uma família protetora – que não sabe nada sobre o passado delas – e vão precisar seguir regras rígidas para permanecerem no programa. A primeira delas é a interrupção imediata de qualquer tipo de contato com conhecidos, por isso, celulares e rede sociais são proibidos, assim como frequentar os mesmos lugares e cultivar hábitos do passado.

Publicidade