Novela “Malhação” Toda Forma de Amar: Namorar escondido, quem nunca? Ser pego no flagra, quem nunca também? Agora, imagina se seu pai é policial e aparece bem naquele momento que você está de boa com o boy, com direito a sirene ligada. Pois é, vai ser bem assim que o Cleber (Gabriel Santana) vai descobrir toda a verdade sobre o pai de Anjinha (Caroline Dallarosa) e ainda vai ter término de namoro.

No mesmo lugar em que sempre se encontram, Cleber pergunta para a Anjinha o motivo de ela não querer apresentá-lo para o pai dela. A menina percebe que não pode mais esconder a verdade do namorado e se enche de coragem para dizer que Marco Rodrigo (Julio Machado) é policial. Mas bem nesta hora os dois são interrompidos justamente por ele, que ainda dá uma dura no casal: “Posso saber o que a senhora está fazendo aqui com esse elemento?”, cobra Marco Rodrigo, que aparece de surpresa no local.

Mesmo sem entender a cobrança, Cleber defende Anjinha e diz que não estão fazendo nada de errado, já que estão apenas namorando. Vendo o rumo que as coisas estão tomando, a estudante fica desesperada e sugere que ela e Cleber corram. Mas o entregador a repreende, até que Marco revela toda a verdade: “É porque ela não quer correr da polícia, quer correr do pai dela! A Ângela é minha filha! Filha do Major Marco Rodrigo, subcomandante do Batalhão. Deu para entender agora, garoto?!”. Cleber leva um susto ao descobrir que o pai da Anjinha não é um professor, como ela havia lhe dito antes e a chama para uma conversa séria. Muito chateado, o garoto termina o namoro: “Pulei pela janela e levei dura da polícia! Você deixou eu me ferrar todo, e não estava nem aí para mim! Não confio mais em você. Nunca mais fala comigo! ”.

Resumo “Malhação” Toda Forma de Amar: próximos capítulos da novela

A história se inicia em 2017, quando Rita (Alanis Guillen), de apenas quinze anos, teve sua filha recém-nascida dada para adoção por seu pai por falta de condições financeira para cria-la. Dois anos se passam e, após a morte do pai, a jovem descobre que sua filha está viva e foi adotada por um casal do Rio de Janeiro, Lígia (Paloma Duarte) e Joaquim (Joaquim Lopes), entrando na justiça para conseguir a guarda da criança e criando um embate entre a mãe biológica e a adotiva.

Rita vai morar com sua madrinha, Carla (Mariana Santos), mãe de Raíssa (Dora de Assis) e Thiago (Danilo Maia), porém os três adolescentes são testemunhas de um crime junto com Jaque (Gabz), Anjinha (Caroline Dallarosa) e Guga (Pedro Alves), quando um grupo armado sequestra um homem na van em que estavam. Eles criam um grupo no WhatsApp intitulado “Deu Ruim” para discutir se devem contar à polícia, criando um laço de proteção e amizade.