Novela “Malhação” Toda Forma de Amar: A briga entre Marco Rodrigo (Julio Machado) e Madureira (Henri Castelli) pelo amor de Carla (Mariana Santos) tomou um outro rumo em Malhação – Toda Forma de Amar. Os dois decidiram, agora, lutar de verdade no ringue da ONG Boa Luta. E se engana quem pensa que vai ser fácil para Madu derrotar o rival. Treinado na polícia, Marco Rodrigo também tem experiência no combate corpo a corpo e promete dar trabalho ao professor de muay thai.

Publicidade
Publicidade

“Quer parar pra respirar, mestre?”, debocha Marco logo depois de dar golpe certeiro na barriga de Madureira. “Calma, Major, já tá acabando… Só falta extrair um dente!” Entre os socos e pontapés, Daniel (Hugo Moura) encoraja Madureira com dicas de como derrubar o Major. “Raciocina, Madureira. Sem desespero! Sobe essa guarda!”

Louco de raiva, Madureira parte para cima do Major e acaba levando alguns golpes, mas logo ele se levanta para dar alguns chutes que desestabilizam o policial. Logo depois dessa troca, Jaqueline (Gabz) chega na ONG e se depara com a cena: “É luta, ou é briga? Vocês parem com isso, já!” Mas de nada adianta, os dois estão com sangue nos olhos, prontos para acabarem um com o outro.

Resumo “Malhação” Toda Forma de Amar: próximos capítulos da novela

Novela “Malhação”: A história se inicia em 2017, quando Rita (Alanis Guillen), de apenas quinze anos, teve sua filha recém-nascida dada para adoção por seu pai por falta de condições financeira para cria-la. Dois anos se passam e, após a morte do pai, a jovem descobre que sua filha está viva e foi adotada por um casal do Rio de Janeiro, Lígia (Paloma Duarte) e Joaquim (Joaquim Lopes), entrando na justiça para conseguir a guarda da criança e criando um embate entre a mãe biológica e a adotiva.

Rita vai morar com sua madrinha, Carla (Mariana Santos), mãe de Raíssa (Dora de Assis) e Thiago (Danilo Maia), porém os três adolescentes são testemunhas de um crime junto com Jaque (Gabz), Anjinha (Caroline Dallarosa) e Guga (Pedro Alves), quando um grupo armado sequestra um homem na van em que estavam. Eles criam um grupo no WhatsApp intitulado “Deu Ruim” para discutir se devem contar à polícia, criando um laço de proteção e amizade.

Publicidade