Novela “Malhação” Toda Forma de Amar: Os ânimos estão exaltados desde que Rita (Alanis Guillen) desapareceu misteriosamente, em Malhação – Toda Forma de Amar. E no capítulo desta terça-feira, 3/03, Rui (Romulo Arantes Neto) vai deixar de ser considerado suspeito de ter dado sumiço na ex, pelo menos na perspectiva de Filipe (Pedro Novaes) e Beto (John Buckley). Isso acontece porque os dois vão atrás de Tadeu (João Fernandes), em busca de notícias, e o encontram levando uma prensa de Rui, que exige saber onde está Rita. Beto e Filipe saem em defesa do rapaz e seguram o bad boy, que acaba concordando em ir embora. Os dois pedem que ele então conte o que sabe, e Tadeu diz: “E você acha que eu sei? Não faço a menor ideia. Eu achava que tinha sido o Rui que tinha sumido com ela, mas não foi ele”.

Publicidade

Filipe pergunta o que ele conversou com Rita por telefone no dia em que ela desapareceu. Tadeu explica: “Ela tava muito nervosa. Parecia que tava preocupada, ou com medo. Falou muito de você, Filipe. Disse que era apaixonada como nunca tinha sido na vida e que não queria que nada nem ninguém te fizesse mal.” “Espera um pouquinho… Você falou em medo. De quem?”, questiona Beto. “Ela não disse, mas acho que era do Rui. A Rita chegou a falar sobre ir embora do país”, ele responde.

O loiro fica intrigado e pede a opinião de Tadeu sobre Rita ter de fato deixado o Brasil, ele diz que a amiga não teria dinheiro: “Ela lutava todo dia pra não chegar no vermelho no fim do mês”, completa. Beto fica frustrado e reclama que foram até lá para continuar na mesma. Filipe argumenta: “Na mesma não, porque agora a gente sabe com certeza que não foi o Rui quem sequestrou a Rita”. “E isso é a única coisa que a gente sabe. Agora mesmo é que a gente não tem a mínima ideia de onde ela tá!”, conclui Beto.

Resumo “Malhação” Toda Forma de Amar: próximos capítulos da novela

Novela “Malhação”: A história se inicia em 2017, quando Rita (Alanis Guillen), de apenas quinze anos, teve sua filha recém-nascida dada para adoção por seu pai por falta de condições financeira para cria-la. Dois anos se passam e, após a morte do pai, a jovem descobre que sua filha está viva e foi adotada por um casal do Rio de Janeiro, Lígia (Paloma Duarte) e Joaquim (Joaquim Lopes), entrando na justiça para conseguir a guarda da criança e criando um embate entre a mãe biológica e a adotiva.

Rita vai morar com sua madrinha, Carla (Mariana Santos), mãe de Raíssa (Dora de Assis) e Thiago (Danilo Maia), porém os três adolescentes são testemunhas de um crime junto com Jaque (Gabz), Anjinha (Caroline Dallarosa) e Guga (Pedro Alves), quando um grupo armado sequestra um homem na van em que estavam. Eles criam um grupo no WhatsApp intitulado “Deu Ruim” para discutir se devem contar à polícia, criando um laço de proteção e amizade.