Novela Sangue Bom: Natan Vasquez será um publicitário boa pinta

sangue bom resumo novela capitulo episodio rede globo proximoSangue Bom é a próxima novela das sete da Rede Globo, com estreia prevista para 29 de abril. Segundo a Rede Globo, Natan Vasquez é um publicitário boa pinta dono da agência Class Mídia que adora ser poderoso e não dispensa os luxos da vida. “Ele é um cara perdido dentro de sua própria vaidade, acabou tendo desvios de caráter e fez muita bobagem na vida”, conta o ator Bruno Garcia. Casado com Verônica (Letícia Sabatella), Natan sempre traz de casa as ideias mais geniais para seu negócio. O bonitão aproveita todas as sugestões da mulher e diz que as ideias foram suas.

O modelo Pablo Morais vai ser Jonathan James, um ator que gera delírio nas fãs, mas com talento e caráter duvidosos. O personagem é marido da atriz decadente Bárbara Ellen (Giulia Gam), e amante da funkeira Brunetty, a Mulher Mangaba, vivida por Ellen Rocche.

Na novela Sangue Bom tudo começa na casa de Gilson (Daniel Dantas) e Salma (Louise Cardoso). No lar de adoção do casal, localizado no bairro da Casa Verde, em São Paulo, Fabinho (Humberto Carrão), Amora (Sophie Charlotte) e Bento (Marco Pigossi) se conheceram ainda crianças. Além de cuidarem de jovens que foram abandonados, Gilson e Salma são donos do Cantaí, um divertido bar da região. Extremamente bondoso, Gilson é um homem sereno e acolhedor. Irmão mais velho de Wilson (Marco Ricca) e marido de Salma, compartilha com a esposa os mesmos ideais. Com ela, teve Érico (Armando Babaioff), noivo de Renata (Regiane Alves). Socorro (Tatiana Alvim) mora com Gilson e Salma, e é a mais velha das órfãs da casa. Auxiliar de enfermagem que trabalha em um laboratório de análises clínicas, ela tem a ‘it girl’ Amora como ídolo máximo, exemplo e referência de vida, já que ela também passou pelo lar de Gilson e Salma. Jonas (Sérgio Malheiros), que também vive com eles, está terminando o colégio, mas, como sabe tudo de computador, vai começar a trabalhar como webdesigner. E é um grafiteiro de mão cheia, fazendo trabalhos artísticos em dupla com Douglas (Pedro Inoue) de tempos em tempos.

Bárbara Ellen (Giulia Gam) faz tudo por um aplauso. É viciada nos holofotes e precisa ser idolatrada por uma multidão para se sentir querida. Em Sangue Bom, a personagem é o pivô da união de alguns personagens e da separação de vários outros. Atriz decadente, ela troca de marido como quem troca de roupa e, atualmente, é casada com Jonathan James (Pablo Morais), um rapaz jovem que conquistou espaço na mídia e dinheiro por ser casado com ela. Mas, com a morte dele, logo investirá em outro bom partido, Natan Vasquez (Bruno Garcia), o futuro sogro de sua filha adotiva Amora (Sophie Charlotte). De origem humilde, a atriz trocou o nome de batismo, Conceição, pelo o de Bárbara. Filha de mãe sacoleira, ela sempre sonhou em se tornar celebridade e fez tudo para conseguir sucesso. É capaz de destruir casamentos, inventar histórias e, à procura de poder e fama, casou-se, no passado, com o famoso cineasta Plínio Campana (Herson Capri), com quem teve Malu (Fernanda Vasconcellos). Uma das maneiras de Bárbara se manter na mídia é adotando crianças, fingindo ser generosa e ótima mãe. Amora (Sophie Charlotte) foi a primeira. Linda, com perfil físico para a moda, logo se tornou a principal it girl do país. Além de Amora, adotou também Luz (Aline Dias), que, segundo Bárbara, veio do Acre, Kevin (Marcus Rigonatti), que a atriz jura ter “importado” do Zimbábue e Dorothy (Ayumi Irie), que seria uma sobrevivente de um famoso tsunami que atingiu a Tailândia.

Fernanda Vasconcellos, que interpreta a doce Malu, explica o grande dilema da novela: – É o que cada um desses personagens fez com os traumas que a vida lhes deu. A Malu, por exemplo, cresceu numa casa com uma mãe que é uma atriz extremamente midiática, fracassada, que começou a trabalhar com a indústria da solidariedade para aparecer. Malu tenta fazer com que os irmãos não fiquem como sua irmã Amora (Sophie Chalotte), que é um projeto da mãe.

Sophie Charlotte, que vive a ‘it-girl’ Amora, uma garota obcecada por moda, tenta justificar a futilidade de sua personagem. – A Amora teve um passado difícil. Ela vai para o lar da Casa Verde com 10 anos e após um ano é adotada pela Bárbara Ellen (Giulia Gam). O primeiro laço afetivo que ela tem na vida é com o Bento. No entanto, quando ela é adotada, vira um projeto de vida da mãe, uma mulher completamente midiática e Amora acaba fazendo parte desse mundo.

Lara Keller, personagem de Maria Helena Chira, será o desafeto de Amora, vivida por Sophie Charlotte. Lara também é ligada em moda e vive às farpas com a it girl, que assumiu seu posto no programa Luxury durante sua licença-maternidade. A cantora Sandy participará do programa da ‘it girl’ Amora.

O florista Bento, vivido por Marco Pigossi, viveu junto de Amora no lar da Casa Verde.
- Bento é um cara alto astral, idealista, bom moço e sempre toma partido pela justiça. Tem um amor infantil pela Amora, que conheceu no orfanato. Dos três que viveram lá (ele, Amora e Fabinho), é o único que não foi adotado. No início da novela, Bento e Amora se reencontram após muitos anos afastados e ambos estão mudados.

O reencontro entre Amora e Bento promete! A ‘it-girl’ vai começar a questionar sua vida, inclusive, seu namoro com o playboy Maurício (Jayme Matarazzo), que até então, era o par perfeito para ela. Jayme Matarazzo será Maurício, um playboy que abandona o emprego na agência do pai para se descobrir. – O Maurício é um playboy do bem, da alta da sociedade paulistana. Ele trabalha na agência de publicidade do pai. Ele sofre um grande trauma que faz com que ele queira se desprender do pai e andar com as próprias pernas. O Maurício quer se descobrir, saber do que ele realmente gosta.

Isabelle Drummond interpreta uma menina sem vaidades que adora jogar uma pelada. Sobre o jeito da personagem, a atriz, que precisou mudar o visual, explica: – Ela encontrou uma maneira de ser tratada de igual para igual. Tem a personalidade impulsiva, fala o que sente. Não desenvolveu muito o lado feminino e não gosta do mundo da moda. Tem aversão à Amora (Sophie Chalotte).

Tina (Ingrid Guimarães), a secretária de Silvia (Mila Moreira), diretora na agência Class Mídia, será abandonada no altar pelo noivo, Vitinho (Rodrigo Lopez). Apesar de amá-la, o trauma causado por Bárbara Ellen (Giuliam Gam) no passado fará com que o rapaz desista da união na hora do sim. Sempre muito alegre e positiva, Tina terá um baque emocional com a não realização do casamento. A partir de então, ela passará a dedicar a vida ao projeto de se vingar de Bárbara. Vitinho, um homem traumatizado por ter sido abandonado no altar por Bárbara Ellen (Giulia Gam) começará a ir ao psicanalista regularmente.

Um dos mais importantes cineastas brasileiros, Plínio Campana (Herson Capri) nunca se esqueceu de seu grande amor, Irene (Deborah Evelyn). Após armação de Bárbara Ellen (Giulia Gam), a atriz abandonou a vida que tinha ao lado do amado, mudou seu nome para Rita de Cássia e passou a trabalhar como contadora de histórias e estátua viva. Plínio Campana nunca esqueceu seu grande amor, Irene (Deborah Evelyn). O que Plínio nunca imaginou é que Irene levou consigo um grande segredo do passado. Sentindo-se magoada e acreditando ter sido traída pelo cineasta, ela foi embora sem deixar rastros. Fragilizado e sem nunca entender seu sumiço, Plínio acabou se entregando às investidas de Bárbara e se casou com ela, com quem teve a filha Malu (Fernanda Vasconcellos), sua melhor amiga.

Mila Moreira será Silvia Laport, a diretora de mídia e cérebro funcional da Class Mídia, uma mulher elegante, íntegra, discreta e a única na agência que tem coragem de falar as verdades que Natan, personagem de Bruno Garcia, precisa ouvir. Mayana Neiva viverá Charlene, uma moça de origem humilde, que se mudou de João Pessoa, na Paraíba, para São Paulo. Charlene é a ex-namorada de Lucindo, personagem de Joaquim Lopes, que fará de tudo para reconquistar o amor da moça.

Humberto Carrão será o bad boy Fabinho, vilão da trama, um jovem disposto a tudo por fama e poder. O grande vilão da história está na pior financeiramente e acha que a vida está devendo algo a ele: – Meu personagem mora no interior de SP e vai para a capital tendo como referência a Amora, que viveu no mesmo lar que ele. O Fabinho acha que ele e a Amora são cúmplices, porque dividem esse lado, se relacionam com a adoção.

Muitos relacionamentos amorosos serão abalados na nova novela.  Mas quem sofre com todo o drama a que se tem direito é Damaris (Marisa Orth). Damaris tem como grande objetivo conquistar seu marido Wilson, vivido por Marco Ricca, de volta, nem que para isso tenha que aprender a dançar funk. A ricaça começa achar que o ex está interessado por uma funkeira e, rapidamente, decide aprender a dançar o ritmo. Por amor, Damaris ainda vai ganhar peso, quando cisma que Wilson prefere as gordinhas. Filha de um feirante bem sucedido, sempre teve vida farta, mas jamais se preocupou em adquirir educação, elegância ou bom senso. Seu traço dominante é a total ausência de noção do ridículo. Grossa, inadequada e espaventosa, diz a todo mundo que é a melhor amiga de Bárbara (Giulia Gam) e considera um luxo ter uma amiga “famosa e importante”.

Natan Vasquez, personagem de Bruno Garcia, é mulherengo, bom partido e extremamente vaidoso. Natan é pai do bom moço Maurício, vivido por Jayme Matarazzo, e vai se envolver com a sogra do garoto, Bárbara Ellen, personagem de Giulia Gam.

Edwin Luisi será um paulistano adorado e respeitado pela vizinhança. Seu personagem, Lili, é cabeleireiro, mora no bairro Casa Verde e é do tipo que toma partido dos amigos. É tio de Lucindo (Joaquim Lopes) e grande confidente de Renata (Regiane Alves) e Verônica (Letícia Sabatella).

A atriz Tuna Dwek voltará a interpretar a repórter durona, Sueli Pedrosa. A personagem fez sucesso em Ti-ti-ti e está de volta para ficar na cola da ‘it-girl’, Amora, e descobrir os podres do passado da moça.

Carolinie Figueiredo será uma jovem que se ressente por não conseguir um namorado. Ela trabalha na equipe de criação da Class Midia, a agência de Natan, personagem de Bruno Garcia.

Longe das novelas desde Cama de Gato, de 2009, Yoná Magalhães interpreta a falida Glória Pais, uma mulher nascida em berço de ouro e que fez parte da alta sociedade por muito tempo.

Renata, personagem de Regiane Alves, ficará dividida entre dois amores. A jovem batalhadora viverá um triângulo amoroso com Érico, Armando Babaioff, e Tito, personagem de Rômulo Arantes Neto.

Vânia Love será a Mulher Saputá e terá um grupo de funk ao lado das atrizes Ellen Rocche, Fernanda Abraão e Dani Vieira.