Novela “Segundo Sol”: Os Athayde e Manuela (Luisa Arraes) vivem momentos tensos em um assalto a mansão. Com a casa cercada de policiais, os ladrões se distraem, deixando uma arma em cima da mesa e os reféns sozinhos. Ao terem uma oportunidade única de se livrar de uma vez por todas dessa situação, a família pede para que Rochelle (Giovanna Lancellotti) tente pegar o objeto, já que é a única que tem as pernas livres. Eles conseguem empurrar a cadeira de rodas da jovem para perto da mesa e, com muito esforço, ela consegue andar até o local. “Minha Nossa Senhora, é um milagre!”, Zefa (Claudia di Moura) vibra e Severo (Odilon Wagner) diz para ela pegar a arma. Rochelle continua tentando, mas perde as forças e cai em cima da arma. “Pega a arma, filha!”, pede Edgar (Caco Ciocler). “Eu não consigo!”, responde Rochelle.

Novela “Segundo Sol”: resumo dos próximos capítulos

Na novela “Segundo Sol”, Salvador, fim dos anos 90. O axé embala o Carnaval da Bahia. Só que quem está em plena decadência é Beto Falcão (Emílio Dantas), que estourou com o sucesso “Axé Pelô”, hit que fez cantar um país inteiro em 94. Agora, o cachê vem devagar. E para pagar parte das dívidas da família, aceita fazer uma pequena apresentação em Aracaju. Numa maré de azar – que salvará sua vida -, Beto perde o voo e a apresentação. O avião que ele pegaria cai, e o cantor é dado como morto.

A comoção é nacional. Do fracasso, Beto Falcão reencontra a fama, mas dessa vez na categoria de mito. Em segredo, vê sua imagem ser ovacionada e os problemas financeiros da família se solucionarem. Convencido pela namorada, Karola (Deborah Secco), cujo romance não anda lá muito bem, e pelo irmão interesseiro Remy (Vladimir Brichta), de que se manter “morto” é a melhor opção, ele deixa a cidade e se refugia na ilha de Boiporã.

Fonte: “Segundo Sol”, novela da Rede Globo