Novela “Segundo Sol”: Laureta (Adriana Esteves) percebe que Ícaro (Chay Suede) anda se encontrando com Luzia (Giovanna Antonelli). O alerta da cafetina começa a soar e ela corre até a cobertura de Karola (Deborah Secco) para contar a novidade. Enquanto as duas tramam, Rosa (Letícia Colin) passa pelo corredor e paralisa ao escutar o nome do ex-namorado. Escondida, a garota fica ligada no restante da conversa: “Seu boy magia não está em suas mãos? Use sua habilidade pra arrancar isso dele! A gente tem que tirar a marisqueira de campo, botar ela na cadeia que nem da outra vez, armar outra arapuca… mas essa mulher tem que sumir, Lau, de qualquer jeito!”, diz Karola. A namorada de Valentim fica chocada ao escutar que as duas aprontaram para cima de Luzia. “Armar pra ela lá em Boiporã foi fácil, um lugarzinho de bosta que nem se acha no mapa… mas aqui em Salvador vai ser mais complicado, temos que pensar com calma pra não sobrar pro nosso lado!”, pondera Laureta. Mas Rosa derruba um vaso assim que percebe a aproximação de Valentim (Danilo Mesquita). “Rosa? Não sabia que você estava aqui!”, surpreende-se Karola. Logo depois, Rosa conta o que ouviu para Ícaro.

Novela “Segundo Sol”: resumo dos próximos capítulos

Na novela “Segundo Sol”, Salvador, fim dos anos 90. O axé embala o Carnaval da Bahia. Só que quem está em plena decadência é Beto Falcão (Emílio Dantas), que estourou com o sucesso “Axé Pelô”, hit que fez cantar um país inteiro em 94. Agora, o cachê vem devagar. E para pagar parte das dívidas da família, aceita fazer uma pequena apresentação em Aracaju. Numa maré de azar – que salvará sua vida -, Beto perde o voo e a apresentação. O avião que ele pegaria cai, e o cantor é dado como morto.

A comoção é nacional. Do fracasso, Beto Falcão reencontra a fama, mas dessa vez na categoria de mito. Em segredo, vê sua imagem ser ovacionada e os problemas financeiros da família se solucionarem. Convencido pela namorada, Karola (Deborah Secco), cujo romance não anda lá muito bem, e pelo irmão interesseiro Remy (Vladimir Brichta), de que se manter “morto” é a melhor opção, ele deixa a cidade e se refugia na ilha de Boiporã.

Fonte: “Segundo Sol”, novela da Rede Globo