meu_pedacinho_chao_Johnny_Massaro_FerndinandoNovela “Meu Pedacinho de Chão”: A eleição para prefeito das Antas está deixando os moradores da Vila de Santa Fé desnorteados. Ferdinando (Johnny Massaro) está sendo pressionado pelo pai e por Pedro Falcão (Rodrigo Lombardi) para ser candidato, mas o engenheiro agrônomo parece irredutível. Ninguém consegue convencer o filho de Epa (Osmar Prado). Em uma conversa com Gina (Paula Barbosa), Pedro Falcão lamenta que Ferdinando não queira entrar na política: “Ninguém pode me ajudá, e nem ajudá o pai dele. Ninguém nesse mundo parece capaz de convencê o Ferdinando.” A geniosa surpreende o pai: “E se eu tentasse?” Pedro Falcão não gosta muito da ideia da filha: “Ocê, quando abre a boca, é só pra arrumá briga! Ocê começô chamando ele de covardão!” E mais uma vez, ela surge com uma fala que deixa o pai de queixo caído: “Mas eu achava que ele era mesmo. Agora não acho mais!” Pedro Falcão não entende nada e Gina sai deixando o pai sozinho.

Fonte Rede Globo – nos próximos capítulos da novela “Meu Pedacinho de Chão” Renato aconselha Giácomo a ter paciência com Milita. Gina conta a Juliana que foi beijada, mas não revela a identidade da pessoa. Renato comemora com os operários o término do pronto-socorro. Epaminondas comenta com Pedro Falcão sua crença de que Ferdinando está mais receptivo à ideia de entrar para a política. Mãe Benta diz a Renato que, assim que ele começar a trabalhar no pronto-socorro, não atuará mais como parteira. Catarina conversa com Ferdinando sobre Gina e revela ao enteado que acredita que ele esteja apaixonado pela moça. Pedro se surpreende com a reação de Gina a respeito de Ferdinando ao perceber que a filha se mostra disposta a convencer o rapaz de se candidatar a prefeito. Renato comenta com Juliana que terá que conquistar a confiança das pessoas. Dona Tê estranha o comportamento de Gina que demonstra menos envolvimento com o trabalho. Dona Tê desmaia ao saber que Ferdinando beijou Gina. Gina confessa a Juliana que gostou do beijo de Ferdinando. Pedro Falcão fica furioso ao saber que Ferdinando beijou Gina. Ferdinando aceita ser candidato a prefeito de Antas, deixando Pedro, Epaminondas e Catarina surpresos. Giácomo declara para Epaminondas seu apoio à candidatura de Ferdinando. Ferdinando avisa a Zelão que ele será seu segurança pessoal e que conta com o apoio dele para sua candidatura. Pedro avisa a Dona Tê que Ferdinando terá que se casar com Gina. Por orientação de Juliana, Zelão pede a Serelepe que o ensine a ler e escrever. Epaminondas deixa escapar para Padre Santo que o atual prefeito rouba a população.

Dona Tê diz para Juliana e Gina que é capaz de largar Pedro se ele mudar por causa da política. Catarina alerta para que Ferdinando não acuse o atual prefeito sem provas. Padre Santo alerta o prefeito das Antas sobre a intenção de Ferdinando de destruir sua imagem. O prefeito das Antas pergunta a Giácomo quem o chamou de ladrão, ameaçando processar quem o difamou. O prefeito vai até a casa de Pedro Falcão para tirar satisfação, mas Gina o expulsa. Padre Santo avisa ao prefeito das Antas que todo mundo o chama de ladrão. Epaminondas sugere que Renato inaugure o pronto-socorro, como oportunidade para Ferdinando fazer seu discurso como candidato a prefeito. Ferdinando explica a Pedro Falcão e a Gina que quer fazer uma campanha limpa, sem ofensas ao atual prefeito. Serelepe dá a primeira aula para Zelão e diz que irá ensiná-lo a escrever a palavra ‘amor’. Renato lamenta com Ferdinando que ninguém apareceu no posto de saúde. Gina aconselha Juliana a não andar sozinha com Zelão, justificando que ele é capanga de Epaminondas. Serelepe se desentende com Pituca. Ferdinando diz a Pituca que ela está sentindo ciúmes de Serelepe e aconselha a irmã a pedir desculpas para o amigo. Padre Santo diz ao atual prefeito que apoiará a candidatura de Ferdinando.