Novela “Eta Mundo Bom”: Candinho (Sergio Guizé) e Ernesto (Eriberto Leão) se encontram na frente do dancing e o malandro segura o caipira pela camisa. A roupa de Candinho se abre e Celso (Rainer Cadete) vê o medalhão que prova que o caipira é o filho de sua tia. Ernesto, Sandra e Celso planejam o roubo do medalhão mas, por sorte, Candinho sai de casa sem o precioso medalhão. Pancrácio (Marco Nanini) o aconselha a sair sem a joia: “Vou guardar o medalhão nesta gaveta, embrulhado em um lenço. Só por precaução”. Sandra fica revoltada e deduz: “É óbvio que o deixou em casa. Vou mandar assaltarem a casa dele. E logo teremos o medalhão!”. Cara de Cão não encontra a jóia e Sandra descobre que Candinho escondeu o medalhão. Após uma passagem de tempo, Sandra vê Candinho com o jóia e organiza um novo assalto.

Publicidade

Cara de Cão arranca o medalhão de Candinho e entrega a Ernesto. Sandra explica para Ernesto e Celso que o pintor vai pintar o retrato da tia e fazer com que Anastácia reconheça o medalhão no pescoço do bandido. Logo depois, Maria desconfia da presença de Ernesto e divide o sentimento com Quitéria. Anastácia vê seu medalhão no pescoço do pintor, imagina que o falso Candinho possa ser seu filho e se comove com Ernesto. Maria vê a troca de olhares entre Sandra e Ernesto e confronta Celso (Rainer Cadete). Ele inventa uma desculpa e tenta enganar Maria. Ernesto se muda para a mansão e Anastácia dá um carro de presente para o golpista. Ernesto invade o quarto da sócia e comemora com Sandra (Flávia Alessandra).

Cenas previstas para junho na novela “Eta Mundo Bom”.

“Eta Mundo Bom”: resumo dos próximos capítulos da novela

Sinopse Novela “Eta Mundo Bom”: Ambientada em 1948, a trama conta a história de Candinho (Sérgio Guizé), que foi separado da mãe logo após seu nascimento e foi acolhido pelo casal Cunegundes (Elizabeth Savalla) e Quinzinho (Ary Fontoura), donos da decadente fazenda Dom Pedro II, perto da cidade fictícia de Piracema, por volta dos anos 20. O casal, que há tempos tenta um herdeiro sem sucesso, decide ficar com o bebê. Mas não demora para Cunegundes finalmente engravidar e ganhar três filhos legítimos: Filomena, a Filó (Débora Nascimento), Mafalda (Camila Queiroz) e Quincas (Miguel Rômulo), e o pobre Candinho vai sendo deixado de lado pelos “pais”, mesmo com a proteção de Eponina (Rosi Campos), irmã de Quinzinho, e Manuela (Dhu Moraes), a empregada da fazenda. Um amigo da família também está sempre por perto, apoiando Candinho: Pancrácio (Marco Nanini).

Publicidade