Publicidade

Novela “Éramos Seis”: A paixão de Zeca (Eduardo Sterblitch) por Olga (Maria Eduarda de Carvalho) em Éramos Seis é tão forte que ele não consegue ficar mais um minuto longe da amada. Desde que ela viajou com Clotilde (Simone Spoladore) para São Paulo a fim de visitar a irmã mais velha, Lola (Gloria Pires), o farmacêutico demonstra vários sintomas de saudade aguda.

Publicidade

Além disso, ele morre de ciúmes e, por isso, não queria que a ruiva fosse para a capital. Mas Olga não deu o braço a torcer e foi mesmo assim. Aliás, essa é uma marca registrada do casal mais badalado de Itapetininga: ela sempre consegue o que quer. No fim das contas, Zeca até prometeu que esperaria por ela. Mas, na prática, não aguenta conter as saudades. Assim, toma uma decisão e arruma as malas rumo a São Paulo.

“Vou pegar o trem, o bonde, o diabo! Nunca fui na cidade grande, nem era minha vontade de ir, mas faço qualquer coisa pra ver a Olga”, diz, apaixonado. Ansioso para encontrar Olga, ele desembarca na capital e já se surpreende com o movimento da cidade. Como se não bastasse, ainda é incomodado por um homem que insiste em carregar sua mala, mesmo que ele negue. Zeca, atordoado, nem se dá conta de que está sendo vítima de um assalto. O farmacêutico só percebe que seu dinheiro foi levado quando chega ao hotel e não encontra a carteira para pagar a hospedagem. “Minha carteira… minha nossa… Fui roubado! Perdi minha carteira!” , grita desesperadamente.

Resumo “Éramos Seis”: próximos capítulos da novela

“Éramos Seis”: Casada com Júlio (Antonio Calloni), Lola (Gloria Pires) é uma esposa devotada e mãe de quatro filhos: Carlos (Xande Valois/ Danilo Mesquita), o mais velho e motivo de orgulho para os pais; Alfredo (Pedro Sol/ Nicolas Prattes), rebelde que vive se metendo em confusões e tem ciúmes do irmão; Isabel (Maju Lima/ Giullia Buscacio), determinada e independente, é a favorita do pai – por ser a única filha mulher; e Julinho (Davi de Oliveira/ André Luiz Frambach), o caçula da família – que desde criança demonstra habilidade para lidar com dinheiro.

A história começa com Lola e Júlio passando sufoco para poder pagar as parcelas do casarão que compraram em São Paulo. O primeiro bem do casal sai mais caro do que eles previam por causa dos altíssimos juros do financiamento bancário. O imóvel acaba gerando um impasse entre eles: para ela, o local é a alma da família. Para ele, um empecilho para melhorar de vida.

Publicidade