Novela “Éramos Seis”: Lola (Gloria Pires) questiona Almeida (Ricardo Pereira), descobre que Júlio (Antonio Calloni) era amante de Marion (Ellen Rocche) e que Alfredo (Nicolas Prattes) está apaixonado pela dançarina. Lola visita Marion e pede para ela se afastar do filho. Marion decide ir para outra cidade e deixa uma carta para o filho de Júlio.

Publicidade

Alaor (Nilson Nunes) entrega a carta e Alfredo se espanta: “Uma carta da Marion, mas que brincadeira é essa?”. Alaor explica, ele fica magoado e gasta todo o dinheiro que ganhou em seu primeiro dia de trabalho como mecânico. O rapaz ouve outra dançarina dizer que Marion decidiu ir embora após receber a visita de Lola. Logo depois Alfredo, bêbado, lê a carta: “Alfredo, meu querido jovem, lindo e rebelde amigo… Não quis partir sem te dizer a verdade que nunca tive coragem de confessar nem a mim mesma. Seu pai foi o único homem que amei. É muito difícil descobrir que se perdeu alguém muito importante pra gente… Mas é o que sinto. E queria que você soubesse e levasse sua vida da melhor maneira. Você merece o que há de melhor”.

Alfredo coloca a carta no bolso, volta para casa e Lola abre a porta: “Alfredo. Ainda estamos de luto e você já caiu na farra. Onde estava até essa hora?”. Magoado, ele responde: “Estava no Café de Flore. Indo atrás da minha amiga Marion. […] Não se preocupe. A tradicional família paulista está salva. Marion foi embora, pra sempre, graças a você, mamãe … Não precisa nem perder seu tempo, não era de mim que ela gostava. De mim não…”. Alfredo chora e Lola o consola. Cena prevista para dia 06 de dezembro na novela “Éramos Seis”.

Resumo “Éramos Seis”: próximos capítulos da novela

“Éramos Seis”: Casada com Júlio (Antonio Calloni), Lola (Gloria Pires) é uma esposa devotada e mãe de quatro filhos: Carlos (Xande Valois/ Danilo Mesquita), o mais velho e motivo de orgulho para os pais; Alfredo (Pedro Sol/ Nicolas Prattes), rebelde que vive se metendo em confusões e tem ciúmes do irmão; Isabel (Maju Lima/ Giullia Buscacio), determinada e independente, é a favorita do pai – por ser a única filha mulher; e Julinho (Davi de Oliveira/ André Luiz Frambach), o caçula da família – que desde criança demonstra habilidade para lidar com dinheiro.

A história começa com Lola e Júlio passando sufoco para poder pagar as parcelas do casarão que compraram em São Paulo. O primeiro bem do casal sai mais caro do que eles previam por causa dos altíssimos juros do financiamento bancário. O imóvel acaba gerando um impasse entre eles: para ela, o local é a alma da família. Para ele, um empecilho para melhorar de vida.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here