Novela “O Sétimo Guardião”: Cinco já foram, faltam mais dois! O assassino de guardiães não está de brincadeira e continua fazendo suas vítimas por aí em O Sétimo Guardião. E seu novo alvo será o médico Aranha (Paulo Rocha), que vai cair em uma armadilha feita pelo grande vilão – ou vilã – da novela das 9.

Publicidade

O filho de Mirtes (Elizabeth Savalla) chega ao cabaré de Ondina (Ana Beatriz Nogueira), onde combinou de se encontrar com Adamastor (Theodoro Cochrane). Chegando lá, ele encontra uma garrafa de uísque, pronta para ser bebida. Ele toma alguns goles enquanto aguarda a chegada do amigo. Algum tempo se passa e o médico começa a se sentir mal e enjoado. Ele tenta levantar, mas logo cai no chão. De repente, uma pessoa misteriosa aparece no local e observa tudo. Aranha a vê e pede socorro.

Ao ver que o assassino não faz nada para ajudá-lo, Aranha cai em si: “O tempo todo era você… quem estava matando a Irmandade.” E essas são as últimas palavras de Aranha, que cai morto no meio do cabaré de Ondina. O assassino se aproxima do corpo e coloca mais um de seus bilhetes misteriosos ao lado do médico. No mensagem, se lê: “Faltam dois.”

Novela “O Sétimo Guardião”: resumo dos próximos capítulos

Sinopse “O Sétimo Guardião”: À primeira vista, Serro Azul pode parecer apenas mais uma típica cidade do interior, pacata e cercada por montanhas, onde avanços tecnológicos como internet e telefonia celular ainda não chegaram. Um lugar pelo qual quem passa não dá muita atenção, sem saber o que está perdendo, afinal, uma cidade que é vizinha de Greenville e Tubiancanga não poderia deixar de ter suas peculiaridades.

A principal delas é uma fonte com propriedades curativas e rejuvenescedoras, que é a parte mais externa de um gigantesco aquífero, uma enorme reserva daquilo que a cada dia se torna o bem mais precioso da Terra: a água. Essa fonte é protegida por sete guardiães que têm como missão garantir que essa riqueza não chegue às mãos erradas.

Publicidade